sexta-feira, 15 de julho de 2011

Que confusão!


Não sei bem, qual é o nome que hei de dar a isto, estranho, até mesmo um pouco tenebroso, neste momento parece que só vejo uma pessoa, a quem me dá mesmo vontade de falar, que me dá força, e me diz para não desistir, estou super acompanhada, com as melhores pessoas do mundo, mas isto faz-me senti sozinha, sinto-me sozinha, e não vejo muita gente quando preciso, estou numa fase, de relembrar todos aqueles que perdi, no passado, talvez sufoque demais, aqueles que me querem bem, mas por vezes também preciso, do meu espaço, do meu mundo, e da minha realidade, não preciso que mais ninguém se meta, é de veras estranho, sinto-me mais sozinha que nunca, preciso de um tempo fora daqui, fora da minha rotinha, fora das confusões, não me vou alongar mais, acho que há coisas que ninguém tem nada a haver, é do meu mundo, este texto esta super confuso, é muito parecido com a minha cabeça, acho que fico por aqui. Vou há praia, para verse saio destas 4 paredes. Logo faço um texto e posto aqui.

(Respostas aos comentários deste post)

Joana , obrigada por teres comentado, tambem gostei muito do teu blog, e tambem estou a seguir :)

Deia.s , muito obrigada por teres gostado do post $:, não esta nada de especial, mas obrigada, e eu gostei muito do teu blog, estou a seguir, adoro os textos, e as histórias !

Barbara Castro , tambem gostei muito do teu blog, adorei a musica *.* e tambem estou a seguir.

4 comentários:

  1. gostei imenso do blog, estou a seguir :)

    ResponderEliminar
  2. Adoro quando sentimentos vividos viram belos posts assim! :)

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderEliminar